NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 11 de Agosto de 2020
BRASIL
Terça-feira, 07 de Maio de 2019, 01h:50

CASOS COMPLEXOS

CNJ monitora tragédias que abalaram a sociedade

O Conselho Nacional de Justiça e o Conselho Nacional do Ministério do Público criaram o site do Observatório Nacional de Casos Complexos de Grande Impacto e Repercussão.

O objetivo é fornecer uma ferramenta para monitoramento de processos sobre tragédias e crimes de grande repercussão, como o rompimento das barragens em Mariana e Brumadinho (MG), o incêndio na Boate Kiss (RS) e a chacina de Unaí (MG).

O site apresenta um painel com alertas sobre prazos de tramitação dos processos, encaminhamento das ações a partir da data de cada ocorrência, bem como links de propostas, medidas tomadas pelo CNJ, tribunais e Ministério Público.

O site reúne também as notícias veiculadas pelos tribunais e uma coletânea de leis e normas para consulta.

O painel publicado no site permite acesso ao número único e outros dados resumidos de cada um dos 67.393 processos dos quatro casos.

O observatório foi apresentado na última terça-feira (30) pelo presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli.

No mesmo dia, a conselheira do CNJ Maria Tereza Uille Gomes recebeu viúvas da chacina de Unaí, que ainda aguardam a resposta da Justiça. 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O Brasil já ultrapassou as 100 mil mortes pela Covid-19. Para você, quem tem culpa?
O presidente Jair Bolsonaro
Os governadores
Os prefeitos
Ninguém. A doença é incontrolável
PARCIAL