NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sábado, 15 de Agosto de 2020
CIDADES
Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019, 08h:56

EDUCAÇÃO

Governo convoca 221 professores classificados em concurso

Mais 221 classificados para vagas livres de professores no último concurso público da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) foram nomeados pelo governo do Estado. A medida é uma das pautas de reivindicação dos profissionais da rede estadual de ensino, que paralisaram as atividades por mais de 70 dias. Os nomeados deverão procurar a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), responsável pela posse e efetivo exercício.
A lista dos convocados foi publicada, ontem (22), no Diário Oficial do Estado (DOE). Segundo o Sintep, essa é a primeira etapa, de três que serão realizadas ainda neste ano. A expectativa é de que as próximas chamadas a serem anunciadas pelo governo serão técnicos, o que deve ocorrer até o final de setembro, seguido de apoio administrativo escolar, até o fim de outubro.
Para o Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT), os 79 dias de greve dos profissionais da educação começam a colher alguns avanços com a publicação da convocação. O entendimento é de que apesar das convocações serem executadas de forma lenta e insuficiente para atender a demanda de vagas livres no estado, é cumprida parte do apontado na pauta de reivindicações da categoria.
"Tivemos a conquista de prorrogação do prazo do concurso por mais dois anos (até janeiro de 2022), o que possibilita que avancemos no cadastro de reservas para além dos 50% definido equivocadamente na cláusula de barreiras, o que limitou as convocações para quantitativo inferior a necessidade de profissionais", disse Valdeir Pereira, presidente do Sintep.
Segundo Pereira, o governo comunicou a convocação de 681 aprovados, sendo 221 professores, 300 técnicos e 160 apoios. O quantitativo integra uma pequena parte da demanda, atualmente estimada em 48% dos profissionais em contratos temporários na rede estadual. "O objetivo é que todas as vagas livres sejam ocupadas por efetivos, e isso demanda inclusive a convocação de um novo Concurso, já que até 2022 muitos dos atuais profissionais estarão aposentados", acredita o presidente.
Na pauta de reivindicação, o sindicato estabeleceu a necessidade de constituir uma comissão, na qual o sindicato teria cadeira, para proceder o levantamento de vagas livres nas unidades escolares, e assim avaliar a real demanda no estado.
Para informações sobre a posse, os exames médicos e agendamento da perícia médica o candidato nomeado deverá ligar para o disque-servidor no 0800-647-3633. Além do disque-servidor, a Seplag também disponibiliza em seu site uma lista de perguntas frequentes. As primeiras convocações do concurso começaram ainda em 2018. Ao todo, foram 5.748 vagas disponíveis, sendo 3.324 para o cargo de professor da educação básica, 1.496 para apoio e 928 para técnico administrativo, além de cadastro de reserva de 50% do total de vagas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O Brasil já ultrapassou as 100 mil mortes pela Covid-19. Para você, quem tem culpa?
O presidente Jair Bolsonaro
Os governadores
Os prefeitos
Ninguém. A doença é incontrolável
PARCIAL