NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sexta-feira, 03 de Julho de 2020
CIDADES
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019, 16h:58

ENEM

Inscrição para o Sisu começa na terça-feira

Com o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) divulgado ontem (18), os estudantes poderão concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que terá a inscrição “online” aberta a partir da próxima terça-feira (22) até 25 de janeiro. Em Mato Grosso, mais de 96,7 mil candidatos se inscreveram para participar do exame. Principal universidade pública de Mato Grosso, a Universidade Federal (UFMT) utilizará a nota do Enem para ingresso no ano letivo deste ano, no primeiro e segundo semestre. Estão sendo ofertadas 6.078 vagas distribuídas entre 115 cursos, nos campi de Cuiabá (61 cursos e 3.043 vagas), Rondonópolis (22 cursos e 1.147 vagas), Sinop (11 cursos e 811 vagas), Araguaia (16 cursos e 762 vagas) e de Várzea Grande (5 cursos e 315 vagas). Em todo país, são mais de 235,4 mil, distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país. Além do Sisu, os estudantes também poderão usar as notas para a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As inscrições para o ProUni poderão ser feitas de 22 a 25 de janeiro e, para o Fies, de 5 a 12 de fevereiro. Além dos programas nacionais, os estudantes podem usar as notas para cursar o ensino superior em Portugal. O Inep tem convênio com 37 instituições portuguesas. Segundo o Inep, atualmente mais de 1,2 mil brasileiros usaram o Enem para ingressar nessas instituições. O resultado foi divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), ligado do Ministério da Educação (MEC) e está disponível no site do Inep, na “Página do Participante”, onde pode ser conferido a nota individual em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e a redação Também foram divulgados os números de redações nota zero e nota 1000. Ao todo, 55 participantes obtiveram a nota máxima e 112.559 (2,73%) zeraram a prova dissertativa. O número de notas zero é bem menor que o de 2017. Os principais motivos para nota zero no Enem 2018 foram: redações em branco (1,12%), fuga ao tema (0,77%) e cópia do texto motivador (0,36%). Para acessar os resultados individuais, é preciso usar a senha criada na hora da inscrição. Caso o participante não se lembre da senha, basta clicar no campo “Esqueci minha senha”. O estudante deverá, então, confirmar o e-mail cadastrado no sistema para receber uma senha temporária. Quem esqueceu a senha e também não tem acesso ao e-mail cadastrado tem a opção de informar novos contatos para receber a senha temporária. O Instituto divulgará no dia 18 de março o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso. A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos, também será divulgada no dia 18 de março.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O que você achou da decisão da Justiça de decretar lockdown em Cuiabá e VG?
Acertada
Demorou
Antes tarde...
Tanto faz
PARCIAL