NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2021
CIDADES
Sábado, 28 de Novembro de 2020, 22h:22

LUTO

Morre Dom Bonifácio Piccinini, aos 91 anos

Arcebispo Emérito da Arquidiocese de Cuiabá estava em Mato Grosso desde 1975

JOANICE DE DEUS
Da Reportagem
Dom Bonifácio Piccinini

Morreu na noite deste sábado (28) o Arcebispo Emérito da Arquidiocese de Cuiabá, Dom Bonifácio Piccinini, aos 91 anos.

Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa desde a última segunda-feira (23), após apresentar oscilações na pressão arterial.  

Segundo o padre Deusdedith Almeida, dom Piccinini, apesar da idade avançada, estava completamente lúcido e, até antes da pandemia, vinha rezando missa. “Celebrava missa comigo na paróquia Coração de Jesus, toda quarta-feira ele estava lá, mas, muito idoso, como é grupo de risco, se recolheu para evitar contágio”, disse.  

O arcebispo de Cuiabá lamentou a morte de Piccinini: "Este seu advento no paraíso é o seu Natal com Deus. Principalmente a Arquidiocese de Cuiabá sentirá falta do seu devotamento vividos em tantos anos no nosso centro-oeste. Se não temos palavras para expressar o nosso pesar junto aos seus Familiares especialmente… a certeza de que a sua lembrança será sempre viva nos confortará no nosso caminhar".  

O governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes também lamentaram o falecimento do arcebispo emérito. O governador decretou luto de 3 dias pelo falecimento do arcebispo.

"Recebemos a notícia com grande pesar. Perdemos hoje um homem que fez a diferença com suas ações e sua fé. Ele sempre foi um exemplo para todos nós", afirmou o governador e a primeira-dama.  

Piccinini entrou para Igreja, aos 20 anos, em 1948, em Turim, na Itália. Ao ser ordenado bispo, em 1975, usou como lema "fazer o bem aos pequeninos".

Natural da cidade de Luiz Alves, Santa Catarina, onde nasceu no dia 13 de maio de 1929, o católico chegou a Mato Grosso em 1975, aos 46 anos, quando tornou-se Arcebispo Coadjutor com direito à Sucessão de Dom Orlando Chaves em Cuiabá. Ele foi nomeado Arcebispo Metropolitano em 1981 e deixou o posto em 2004, quando passou a ser Arcebispo Emérito e foi substituído pelo atual arcebispo, dom Milton Antônio dos Santos.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Qual deve ser a prioridade do 2º mandato do prefeito Emanuel Pinheiro?
Melhorar o transporte coletivo
Tornar a Saúde Pública acessível a todos
Ampliar a Assistência Social
Educação para todos
PARCIAL