NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2021
CUIABÁ URGENTE
Terça-feira, 05 de Janeiro de 2016, 20h:53

Cuiabá Urgente 05-01-2016

Saúde A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos, quer que o governo do Estado aumente o repasse para a saúde, de R$ 870 mil pra R$ 2 milhões ao mês. Hoje, seu município recebe menos que Rondonópolis e Cáceres. Bolsa Empresário Eraí Maggi, além de ser o maior beneficiário do ‘Bolsa Empresário’, com quase R$ 300 milhões, também conseguiu R$ 154 milhões para a sua empresa, a Bom Futuro Agrícola. Sem contar os R$ 80 milhões de seu irmão. Bolsa Empresário 2 Outras empresas de Mato Grosso que foram beneficiadas pelo programa, para compra de máquinas e equipamentos, são: a ALL-Malha Norte (R$ 189 milhões), a Agropecuária Amaggi (R$ 118,6 milhões) e Amaggi (R$ 600 mil). Antes No governo passado havia muito supersecretário que aparecia na mídia até mais que o governador. Hoje, os ex-secretários e o ex-governador continuam aparecendo na mídia, infelizmente no noticiário policial. Hoje Já no atual governo, não há espaço para supersecretário. Hoje, no Paiaguás, quem toca a música e ganha aplausos é só o governador Pedro Taques. E todos os secretários sabem muito bem disso! Separação Em Água Boa, o governador Pedro Taques (PSDB) e o vice Carlos Fávaro (PSD) estarão em palanques separados na disputa da prefeitura. Ambos apoiando candidatos governistas, mas num clima de luta pelo poder. Novo round Taques com o correligionário Mariano Kolankiewicz; Fávaro com a tentativa de reeleição de Mauro Rosa da Silva, o Maurão (PSD). Em 2010 Maurão estava no PPS e venceu Mariano (à época PDT) por 121 votos. De volta Clodoeste Pereira da Silva, o Kassu (PSDB), jornalista e diretor do site Aguaboanews, foi vereador por Água Boa em duas legislaturas. Estava afastado da política, mas novamente concorrerá à Câmara. Novas incursões Voltaram a ser intensas as incursões para que o PMDB esteja junto à campanha eleitoral de reeleição do prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB). Pelo entendimento, a vice de Mendes que atualmente está vaga caberia ao PMDB de Blairo Maggi. O melhor de tudo é que o nome mais cotado é do deputado Emanuel Pinheiro, ainda no PR, mesmo partido que indicou João Malheiros, que depois preferiu ficar como deputado estadual a ter que assumir como vice-prefeito em Cuiabá. Licença Na próxima segunda-feira (11) o deputado estadual Eduardo Botelho (PSB) se licencia do cargo para que o ex-reitor da Unemat, professor Adriano Silva (PP), assuma a cadeira de deputado pelos próximos 9 meses. Licença 2 Quem também ficará por um período fora do Legislativo estadual é o deputado Gilmar Fabris (PSD), que por motivos particulares abrirá espaço ao seu suplente Meraldo Sá (PSD), por 60 dias. Pressão O governo do Estado não suportou as críticas sofridas por ter baixado decreto cortando benefícios do funcionalismo público. O decreto baixado pelo vice-governador Fávaro não sobreviveu nem um dia inteiro. À tarde, já foi revogado! No aguardo Os pedidos de empréstimos do estado de Mato Grosso vão permanecer suspensos na Secretaria do Tesouro Nacional – STN até a publicação do Relatório do 3º Quadrimestre das Receitas e Despesas, quando será fechada a contabilidade do ano de 2015. No aguardo 2 A permanecer o descumprimento nos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF para gastos com salários no terceiro e último quadrimestre do ano passado, começam as retenções de transferências e de convênios com o governo federal. Mais pedidos O governador Pedro Taques terá que pedir o apoio dos deputados estaduais e prepara um pacote de medidas para conter os gastos da máquina pública, principalmente em relação ao funcionalismo público. Cidadão Quem foi visto saindo de uma agência bancária nas proximidades do Palácio Paiaguás foi o promotor de Justiça e ex-secretário de Segurança Pública, Mauro Zaque. Cidadão 2 Aliás, ficou um questionamento muito grande quanto à saída do titular, que era apontado como um dos mais eficientes. Dizem que a queda de braço dentro do governo foi grande, a ponto do próprio governador Pedro Taques não ter como contornar a saída de Mauro Zaque. Volta O governador Pedro Taques deve voltar a dar expediente hoje no Palácio Paiaguás. Durante sua ausência o local ficou às moscas. Muitos secretários aproveitaram a ausência do chefe para sumir.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Qual deve ser a prioridade do 2º mandato do prefeito Emanuel Pinheiro?
Melhorar o transporte coletivo
Tornar a Saúde Pública acessível a todos
Ampliar a Assistência Social
Educação para todos
PARCIAL