NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sábado, 15 de Agosto de 2020
CUIABÁ URGENTE
Domingo, 05 de Julho de 2020, 09h:34

TRATOR NO ALENCASTRO

Prefeito "limpa" gabinete de vice, que adotou o bolsonarismo

Da Redação

Divulgação

Emanuel e Niuan

"Paz e amor" entre Pinheiro e Ribeiro, só mesmo durante a campanha eleitoral, em 2016

O (ainda) vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (Podemos), não gostou da decisão do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), de demitir todos os servidores da Vice-Prefeitura. Acha que é uma retaliação porque ele rompeu com o chefe do Alencastro.

Na verdade, a “canetada” no gabinete de Ribeiro já era aguardada, desde o momento em que ele rompeu politicamente com EP.

Sem ambiente no Alencastro, o vice-prefeito ostentava a função e não abriu mão dos quase R$ 20 mil de salário.

Nas redes sociais, Niuan Ribeiro revidou dizendo que nunca compactuou com “atitudes que ferem a moral e a ética”.

“Não manchei minha honra e dignidade. Nunca me vendi e não seria diferente agora”. Ele não revelou quais foram essas atitudes do prefeito.

O (ainda) vice-prefeito passou a usar esse tipo de discurso depois que trocou o PTB pelo Podemos.

Sob o comando do deputado federal bolsonarista José Medeiros, Ribeiro montou palanque e não esconde que quer disputar a Prefeitura da Capital.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O Brasil já ultrapassou as 100 mil mortes pela Covid-19. Para você, quem tem culpa?
O presidente Jair Bolsonaro
Os governadores
Os prefeitos
Ninguém. A doença é incontrolável
PARCIAL