Terça feira, 22 de outubro de 2019 Edição nº 15260 12/07/2019  










CONTRATAÇÃOAnterior | Índice | Próxima

Fla anuncia zagueiro espanhol Pablo Marí

O zagueiro Marí foi uma indicação do técnico Jorge Jesus e chega para um setor que o Flamengo considerava carente desde o início da temporada

Da Uol/Folhapress – São Paulo

O Flamengo anunciou ontem a contratação do zagueiro Pablo Marí, que estava no Deportivo La Coruña, da Espanha, e tinha os direitos ligados ao Manchester City, da Inglaterra. Ele assinou um contrato até dezembro de 2022. A contratação do jogador foi publicada, primeiramente, pelo blog do Mauro Cezar no UOL Esporte.

Marí foi uma indicação do técnico Jorge Jesus e chega para um setor que o Flamengo considerava carente desde o início da temporada. Atualmente, o elenco tem à disposição Rodrigo Caio, Léo Duarte, Rhodolfo, Thuler, Matheus Dantas e Rafael Santos.

Por uma rede social, Pablo celebrou o acertou com o Flamengo, afirmando ser uma alegria defender o clube carioca e repetindo uma frase que ficou conhecida quando usada por Ronaldinho Gaúcho: "Agora, sou Mengão".

"Extremamente feliz e pronto para esta nova etapa da minha carreira no Flamengo. É um orgulho e alegria poder defender esse clube gigantesco. Eu darei tudo para estar à altura e assim fazer feliz a esta enorme torcida. É hora de novos desafios. ¡Agora sou mengão!", disse o zagueiro.

Marí foi o sétimo reforço para 2019 e o segundo nesta janela de transferência, que contou também com a chegada do lateral-direito Rafinha, ex-Bayern de Munique, da Alemanha. Neste ano, o clube da Gávea já anunciou, além dos já citados, o zagueiro Rodrigo Caio, o lateral-direito João Lucas, o meia Arrascaeta e os atacantes Bruno Henrique e Gabigol.

Há ainda a expectativa de acerto com o meia Gerson, cria do Fluminense e atualmente na Roma, da Itália, conversas pelo lateral-esquerdo Filipe Luis e a busca por um centroavante - recentemente, foi feita uma proposta por Pedro, do Fluminense, mas prontamente negada.

Vale lembrar que o prazo para inscrição da Copa do Brasil se encerrou na noite da última terça-feira. Sendo assim, apenas Rafinha poderá integrar o elenco rubro-negro na competição. Ele, inclusive, foi relacionado para a partida contra o Athletico-PR, na quarta (10), pelas quartas de final, mas não entrou.

Apenas para ressaltar que o setor defensivo pode ainda ter uma baixa. O Athletico-PR demonstrou interesse no zagueiro Rhodolfo, que não foi utilizado no jogo-treino com o Madureira e nem contra o contra o time paranaense.

FLUMINENSE

Luciano já avisou que deseja uma transferência para o Atlético-MG. Os mineiros, por sua vez, já estão com negociação avançada com o Leganés-ESP, clube que detém os direitos econômicos do atleta. Mesmo com contrato até o fim de 2021, o Fluminense não tem muito o que fazer.

Isso não quer dizer que o Fluminense sairá de mãos abanando. Há no contrato uma cláusula que prevê esse tipo de situação e que garante ao clube carioca 20% da negociação. É o que chamam de "taxa de vitrine".

O clube detentor dos direitos econômicos, no caso o Leganés, tem todo o direito de vender o atleta quando bem entender, mas desde que pague uma parcela da negociação à agremiação na qual o jogador está defendendo naquele momento.

No caso em questão, o Leganés cobra 2,5 milhões de euros (R$ 10,66 milhões), o que representa uma quantia de aproximadamente R$ 2,13 milhões direcionados aos cofres do Fluminense. O valor não é tão alto, sequer paga uma folha salarial do time, mas ajudará de alguma forma o clube das Laranjeiras.

A NEGOCIAÇÃO

O Atlético-MG chegou a encaminhar um acordo com o atleta em meados de junho. Luciano se mudaria para a capital mineira para faturar cerca de R$ 300 mil por mês. Pouco mais de uma semana depois, o Leganés esfriou o negócio, alterando termos combinados inicialmente, de acordo com uma pessoa diretamente ligada às tratativas.

A situação voltou a ganhar força durante a Copa América 2019. Rui Costa, diretor de futebol do clube mineiro, mantém conversas com o estafe do atleta, liderado por Nilson Moura, desde o início da fase de grupos do torneio. Eles aproveitaram o recesso no futebol local para fazer uma reunião e tentar atender ao pedido dos espanhóis.

O Leganés quer receber 2,5 milhões de euros (R$ 10,66 milhões) à vista para liberar Luciano em definitivo. O Atlético-MG, a princípio, queria o negócio por empréstimo. No entanto, diante das negativas dos espanhóis, aceita adquirir os direitos do jogador, desde que o valor seja parcelado.

Luciano, de 26 anos, desperta o interesse do Atlético-MG desde a parada do Brasileiro 2019. Não à toa o jogador pediu à comissão técnica do Fluminense para não completar o sétimo jogo no torneio, o que inviabilizaria a mudança para outro clube.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




16:30 Fim de semana com sete afogamentos nos rios de MT
16:21 A mestra, para todos os mestres!
16:18 Ex-secretário Baiano Filho é condenado pela Justiça
16:17 Bolsonaro sobre Barbudo: traidor
16:17 STF mantém eleição de Guilherme Maluf como conselheiro do TCE


16:16 Diálogo de Surdos
16:15 A política que quase me mata
16:14 Ameaça à governabilidade
16:14 Mistérios da República
16:13 Maia quer iniciar debate sobre reforma administrativa semana que vem
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018