Sábado, 17 de agosto de 2019 Edição nº 15284 15/08/2019  










Anterior | Índice | Próxima

Niuan filia no Podemos e assume comando do partido em Cuiabá

Da Reportagem

O vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro, se filiou na noite de terça-feira (13) ao Podemos. A filiação foi realizada durante reunião da bancada federal em Brasília e contou com a presença das principais lideranças nacionais do Podemos, entre elas, o senador Álvaro Dias, o deputado federal José Medeiros e a presidente nacional do partido, deputada federal Renata Abreu.

Durante a filiação, o deputado José Medeiros, que preside o Podemos em Mato Grosso, anunciou Niuan como o novo presidente da legenda em Cuiabá e pré-candidato a prefeito. "Niuan filia com a missão de ajudar a organizar o partido e construir um projeto para a Prefeitura de Cuiabá. Além de ser um jovem articulador e com experiência na prática da boa política, Niuan é um profundo conhecedor das necessidades da população cuiabana e reúne todas as condições para ser o candidato do Podemos a prefeito de Cuiabá".

Alinhada com o deputado Medeiros, a presidente nacional do Podemos garantiu apoio ao projeto e destacou o potencial político do novo filiado. "Para o Podemos é um presente ter um líder jovem, que poderia estar cuidando da sua vida pessoal, buscando outras realizações, mas está integrado à política e disposto em ajudar o país a ter dias melhores. Cuiabá é uma cidade muito importante, Mato Grosso é um estado fundamental para o Brasil e nós do Podemos temos grandes planos para o Niuan", frisou Renata Abreu.

Tratado como o futuro prefeito de Cuiabá pela cúpula nacional do Podemos, Niuan Ribeiro agradeceu a receptividade das lideranças de seu novo partido e pediu apoio para discutir políticas públicas que possam melhorar a vida do cidadão cuiabano. "Entro para o Podemos com o objetivo de ajudar no crescimento e fortalecimento da sigla, como também usar a força do partido, que tem um vice-líder do governo Bolsonaro na Câmara Federal, para concretizar alguns projetos que são essenciais para a nossa cidade".

A escolha pelo Podemos, segundo Niuan, foi pela afinidade com o partido, principalmente com o deputado federal José Medeiros. "Agradeço ao deputado Medeiros que me passou tranquilidade e confiança para ingressar no Podemos e ter a liberdade para construir um projeto para Cuiabá, que vai muito além de uma candidatura. Mudar de partido não é fácil, mas vim pela convicção do comprometimento do Podemos com o país, com meu estado e minha cidade. Aqui encontrei um posicionamento patriótico e uma atuação, como a do Medeiros, em apoio às políticas do presidente Jair Bolsonaro", explicou o vice-prefeito.

Quem também comemorou a filiação de Niuan foi o senador Álvaro Dias. "Eu quero dizer que o Niuan fez uma boa escolha. O Podemos é um partido que tem uma bancada expressiva no Congresso Nacional, um partido novo, com uma proposta alternativa e com gente ficha limpa. Aqui ele terá uma ferramenta política muito importante para sua trajetória", comentou o líder do Podemos no Senado Federal.

Filiado e já na condição de presidente do Podemos de Cuiabá, Niuan vai intensificar as discussões políticas com outros partidos e propor a criação de uma frente para discutir políticas públicas para Cuiabá.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




17:03 Juiz prevê "prisão em massa" de membros do MPE
17:02 Os eternos donos do poder
17:02 Digital influencer
17:02 O STF e o combate ao crime organizado
17:01


17:01 Sinais de alerta na economia
17:00 Exposição em Paris transforma inteligência verde da floresta em arte
16:59 Gustavo Mioto planeja novo DVD no local de seu 1º show no Nordeste
16:59 Dupla sertaneja Diego e Victor Hugo tenta se firmar com músicas românticas
16:58 Número de discos vendidos por João Gilberto é nebuloso e trava processo milionário
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018