Segunda feira, 18 de novembro de 2019 Edição nº 15346 09/11/2019  










Anterior | Índice | Próxima

Lula cogita morar no Nordeste após ser libertado

Da Folhapress – São Paulo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cogita morar na região Nordeste após ser libertado. A informação, que foi dada em entrevista ao jornal Brasil de Fato, na Polícia Federal, onde ele cumpre pena, em Curitiba, foi confirmada ao blog por pessoas próximas a ele. Hoje, Lula tem residência em São Bernardo do Campo, região do ABC paulista onde começou sua carreira como sindicalista e político.

Após a decisão do Supremo Tribunal Federal, desta quinta (7), retomando o entendimento que réus podem começar o cumprimento de sua pena apenas quando esgotarem todos os recursos, inclusive aos tribunais superiores, seus advogados pedem a soltura imediata do ex-presidente. A expectativa é que ocorra até segunda-feira (11).

"Fico sonhando em sair daqui, decidir onde vou morar. Quando deixei a Presidência, tinha vontade de morar no Nordeste, vontade de voltar para meu Pernambuco, vontade de morar não perto da praia, mas num lugar em que pudesse ir à praia. Pensava em ir para Bahia, Rio Grande do Norte, mas a Marisa não quis ir porque ela nasceu em São Bernardo, e o mundo dela era São Bernardo. Eu não tenho mais o que fazer em São Bernardo. Não sei para onde ir, mas quero me mudar para outro lugar", afirmou o ex-presidente. Lula nasceu em Caetés, quando o município ainda pertencia a Garanhuns, no agreste pernambucano.

O Nordeste é a região em que ele mantém grande popularidade, mesmo após a prisão. Fernando Haddad, o candidato indicado por ele para concorrer à Presidência da República, venceu Jair Bolsonaro com facilidade entre os eleitores de lá. E o PT elegeu quatro dos nove governadores (Bahia, Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte) e é aliado dos outros cinco.

Ao mesmo tempo, pesquisa Ibope divulgada em 25 de setembro, mostra que apenas 20% avaliavam o governo Bolsonaro como ótimo e bom no Nordeste, enquanto 47% o consideravam como ruim e péssimo – piores índices ostentados pelo governo no país. No Sul, o presidente conta com 36% de aprovação e 28% de reprovação.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:15 Estado adia para 2020 decisão sobre VLT
18:15 BOA DISSONANTE
18:14 A vitória da Bandeira Nacional
18:14 Costumes cuiabanos I
18:13 Mais pragmatismo, menos ideologia


18:13 Renovar é preciso
18:13 Rotatória do círculo militar
18:12 As five: spin-off de Malhação: viva a diferença vai acompanhar chegada da Geração Z à vida adulta
18:12
18:11 Novo livro de Bela Gil tem receitas até com casca de banana
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018