Quinta feira, 12 de dezembro de 2019 Edição nº 15349 14/11/2019  










Anterior | Índice | Próxima

BOA DISSONANTE

BOA

A produção mato-grossense de biodiesel pode promover um incremento de 50% no esmagamento de oleaginosas nos próximos cinco anos. É o que apontam as projeções do Observatório da Indústria, da Fiemt, e da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove). A Fiemt considera essencial para Mato Grosso a construção de um plano de desenvolvimento estratégico voltado ao setor de biocombustíveis.



DISSONANTE

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 8.479 focos de incêndio no Pantanal de janeiro até anteontem. É um salto de 462% em relação ao mesmo período de 2018, quando foram registradas 1.507 queimadas , número mais baixo desde 2014. Desde o último domingo, o bioma voltou a sofrer mais intensamente com o fogo. Segundo Felipe Dias, diretor-executivo do Instituto SOS Pantanal, a situação mais grave é no Pantanal do Sul, onde o clima está mais seco



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




08:39 Maggi diz que vai se desfiliar para evitar especulações
18:21 Estado encerra parcelamento e paga folha dia 10
18:21 BOA DISSONANTE
18:20 Sabedoria ibérica
18:19 Uma “Honoris Causa” e um notório saber


18:19 A vilã não é a carne
18:18 Desenvolvimento humano estagnado
18:18 Mal necessário
18:17 A gente teve melhorias, diz Taís Araújo 10 anos após ser 1ª negra protagonista
18:17 Artistas estreiam mais uma edição da Mostra de Cenas
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018