Sexta feira, 24 de janeiro de 2020 Edição nº 15366 11/12/2019  










Anterior | Índice | Próxima



Fora do jogo

Ao DIÁRIO, ontem (10), Blairo Maggi (PP) disse que não passa pela sua cabeça, em hipótese nenhuma, disputar uma eventual eleição suplementar ao Senado. Disse que já “cansou” de afirmar que está fora do “jogo político”.



Distante

O ex-ministro negou que tenha ido ao TSE, no dia 3, acompanhar o julgamento de recurso da senadora Selma Arruda (Podemos). Nesse dia, revelou, ele estava em São Paulo, participando de um evento sobre Meio Ambiente.



Chateação

BM não escondeu que está “chateado” com as especulações que o apontam como pré-candidato ao Senado e o citam como articulador de bastidores. Para evitar isso, o ex-ministro até pensaria em pedir a sua desfiliação do PP.



Ninho agitado

Agora, é sério. O PSDB vai disputar a Prefeitura de Cuiabá em 2020. O empresário Luiz Carlos Nigro já tem autorização da cúpula tucana para articular apoios e fortalecer seu projeto político-eleitoral no município.



Caixa vazio

Debilitado com o fracasso da recandidatura de Pedro Taques, em 2018, o tucanato não tinha projeto para 2020. Segundo as informações, o PSDB teria um problema muito sério para encarar a disputa: a absoluta falta de grana.



Rateio

Empresário dos setores hoteleiro e imobiliário e de uma família tradicional e milionária, Nigro, certamente, não vai meter a mão no bolso para custear despesas de campanha. O PSDB busca alianças para dividir o “bolo”.



Favoritos

Os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil) e Gilberto Figueiredo (Saúde) têm maiores chances de chegar à disputa final pela condição de candidato do DEM a prefeito de Cuiabá. É o que dizem as bolsas de apostas.



Poderes

Futuro presidente do TCE-MT, Guilherme Maluf acha que pode tudo. Mesmo sob suspeição, ele aceitou a missão de relatar um processo em que o alvo principal é seu amigo e ex-sócio, o encrencado ex-deputado Pedro Henry.



Elo perigoso

As ligações políticas e empresariais entre Maluf e Henry são notórias. O conselheiro é sócio de um dos maiores hospitais de MT, o Santa Rosa, onde o ex-deputado tem negócios. O correto era Maluf desistir da relatoria.



Mensalão

Segundo a equipe técnica do TCE, foram detectadas irregularidades em contratos do Fundo Estadual de Saúde em 2011, época em que Henry era secretário. Em 2013, o STF decretou a prisão de Henry, no esquema do Mensalão.



....................



Mendes: recuperação e 13º

Ontem, no Paiaguás, Mauro Mendes deu a boa nova: vai pagar o 13º salário dos servidores no próximo dia 20. No Facebook, o governador festejou: “O esforço pelo aumento na arrecadação, recuperação de ativos, redução de despesas e controle de gastos fez com que chegássemos em dezembro muito melhor do que estávamos há 11 meses. Continuamos o nosso trabalho para consertar esse Estado”.

....................



Injeção

Com o 13º, a gestão de MM vai injetar R$ 1,06 bilhão na economia estadual, só em dezembro. Esse é o montante relativo à folha de dezembro e mais o benefício dos quase 100 mil servidores ativos e inativos do Estado.



Saldo positivo

Some-se a isso o fato de que, quitando o 13º em dezembro, o democrata termina o primeiro ano de gestão com um saldo positivo: o pagamento de 13 folhas, considerando o 13º de 2018 de parte do funcionalismo.



Roda presa

Conglomerado que reúne cinco empresas de transporte rodoviário de passageiros em Mato Grosso, o Grupo Verde entrou em processo de recuperação judicial. A dívida revelada pelo grupo é de R$ 43 milhões.



Caso de Polícia

Antiga Real Norte, a Verde é comandada pelo empresário Éder Pinheiro, que, em 2018, foi alvo da Defaz, em operação que investiga fraudes em licitação do transporte intermunicipal. Nos tempos de Silval & Cia.



Reforço

No comando do Podemos/Cuiabá, o (ainda) vice-prefeito Niuan Ribeiro convidou o empresário Elias Santos a se filiar à legenda. Juntaria a fome com a vontade de começar, já que Santos sonha com uma vaga na Câmara.



Holerite

Rompido com o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), mas recebendo o salário de vice, Niuan corre atrás de outros nomes. Ex-vice-prefeito de Chapada, Elias é irmão do deputado estadual Wilson Santos (PSDB).



Mais do mesmo

Em entrevista à Rádio Vila Real, ontem, o presidente da ALMT, Eduardo Botelho disse o óbvio sobre as eleições 2020, no contexto do DEM: o governador Mauro Mendes vai dar a palavra final sobre o candidato da legenda em Cuiabá.





Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




17:15 Embelezar Cuiabá
17:15 BOA DISSONANTE
17:14 O sabor da volta às aulas
17:14 Uso nocivo de álcool e outras drogas
17:14 Entre as lentes da alma e do celular


17:13 Alerta para o novo vírus
17:12 Novo álbum dos Mutantes tem pegada setentista e pouco remete à banda original
17:12
17:10 Bom sucesso: Provavelmente a novela não teria causado a mesma empatia um ano atrás, diz autor
17:09 Antonio Fagundes sobre Regina Duarte: Torço para que não saia queimada
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018