Quinta feira, 20 de fevereiro de 2020 Edição nº 15395 25/01/2020  










MATO-GROSSENSESAnterior | Índice | Próxima

Empresários do comércio iniciaram 2020 um pouco mais confiantes

Da Reportagem

A Fecomércio/MT divulgou ontem a pesquisa que monitora o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), em Cuiabá e revelou um aumento de 0,6% na comparação com o mês anterior, atingindo, assim, 131 pontos. No entanto, o índice atual é 0,5% menor se comparado com janeiro de 2019.

A pesquisa é realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e tem variação de zero a 200 pontos. O índice 100 demarca a fronteira entre a avaliação de insatisfação e de satisfação dos empresários do comércio: abaixo de 100 pontos diz respeito à situação de pessimismo enquanto acima de 100 encontra-se a situação de otimismo.

Para a Fecomércio/MT, com as mudanças na forma de recolhimento do ICMS no Estado por meio da Lei Complementar nº 631/2019, diversos produtos do comércio sofreram elevação dos preços, o que acaba por diminuir o poder de compra das famílias. Tal medida deve impactar no otimismo do empresário mato-grossense no decorrer do ano.

O subíndice que avalia a expectativa do empresário do comércio (IEEC) apresentou retração em janeiro de -2,3% na comparação com o mês anterior e de -4,5% sobre janeiro de 2019. Das 181 empresas participantes da pesquisa na Capital mato-grossense, 92,2% acreditam na melhora do setor. Em janeiro do ano passado, esse indicador era maior e atingia 95,3% dos empresários entrevistados.

INVESTIMENTO - Sobre o Índice de Investimento do Empresário do Comércio (IIEC), observou-se melhora na variação mensal e anual da pesquisa, de 0,9% e 4,6%, respectivamente. Apesar da melhora no índice, o componente que mede a Expectativa de Contratação de Funcionários apresentou retração de -4,2% sobre anterior e de -4,6% na comparação com janeiro passado. 76% dos entrevistados estão dispostos a contratar funcionários. A porcentagem era maior no mesmo período do ano passado, quando 83% estavam dispostos a contratar funcionários.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




16:49 Silvio reafirma ter dado dinheiro para Emanuel Pinheiro
16:49 Silval Barbosa é condenado a 6 anos de prisão
16:49 TJ afasta promotora de MT suspeita de desviar quase R$ 1 milhão
16:48 Por unanimidade, STJ mantém conselheiros do TCE afastados
16:48 Partidos de oposição entram com pedido de cassação de Flávio Bolsonaro


16:47 Wilson diz que Taques pode ser Candidato
16:47 BOA DISSONANTE
16:46 Universidades sob mira de espiões
16:46 “Ela deu o rádio”
16:46 Parasitas
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018