NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Domingo, 09 de Agosto de 2020
ESPORTES
Sexta-feira, 29 de Junho de 2018, 17h:18

FRANÇA x ARGENTINA

Argentina testa escalação sem Higuaín contra França

Jorge Sampaoli tem a chance de pela primeira vez repetir uma escalação desde que assumiu o comando da seleção argentina, em junho do ano passado. Mas isso pode não acontecer. O treinador ensaiou na manhã desta sexta (29), em Bronnitsi (55 km de Moscou) uma formação diferente da que derrotou a Nigéria por 2 a 1 na última quinta (26), em São Petersburgo. Ele testou a Argentina sem Higuaín, o atacante de referência na área. Entrou Cristian Pavón, meia-atacante que atua pelas pontas. Neste cenário, Lionel Messi faria o papel de falso camisa 9, como já desempenhou outras vezes no Barcelona. A intenção é ter a maior velocidade e mobilidade possível no ataque para enfrentar a França, em Kazan, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, neste sábado (30), às 10h. Não é a primeira vez que Sampaoli avalia a possibilidade de Pavón ser titular. Após ter entrado bem no segundo tempo da estreia contra a Islândia, o jogador do Boca Juniors acreditou que atuaria desde o início na rodada seguinte, diante da Croácia. Isso não aconteceu. A possibilidade de trocar antes da partida do mata-mata mostra que Sampaoli não tem um modelo de jogo definido para o ataque. Nas duas primeiras partidas, o titular foi Sergio Aguero, que anotou diante dos islandeses. Na vitória sobre a Nigéria, começou Higuaín. Desde que foi escolhido técnico da seleção, Sampaoli teve 14 times diferentes em 14 partidas. Ainda há possibilidade de que ele tenha de escolher um nome também para o lugar de Enzo Pérez, que continua reclamando de dor nos glúteos. Mas a comissão técnica acredita que o volante poderá jogar. A escalação da Argentina deverá ser Armani; Mercado, Otamendi, Rojo, Tagliafico; Mascherano, Pérez, Banega; Messi, Higuaín (ou Pavón) e Di María. FRANÇA -A França tem um desfalque importante para o duelo de hoje, contra a Argentina, em Kazan. Para o jogo válido pelas oitavas de final da Copa do Mundo, a equipe europeia não vai contar com o lateral esquerdo Benjamin Mendy, que sentiu uma lesão muscular e ficará fora do jogo contra os sul-americanos. Em entrevista ocorrida nesta sexta, véspera da partida, o técnico Didier Deschamps confirmou que Lucas Hernández segue como titular para encarar Lionel Messi e companhia neste fim de semana. "Mendy não está disponível, já que tem um pequeno problema muscular", resumiu Deschamps ao anunciar a ausência do jogador do Manchester City, que atuou por apenas 40 minutos diante da Dinamarca neste Mundial. De acordo com informações do L'Equipe, Mendy voltou a sentir a coxa durante uma arrancada no treino de quarta-feira.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL