NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Segunda-feira, 10 de Agosto de 2020
ESPORTES
Quinta-feira, 11 de Abril de 2019, 09h:17

REI

Mesmo internado, Pelé é homenageado pela Conmebol

PEDRO LOPES e RODRIGO MATTOS
Da Uol/Folhapress – Rio
A Conmebol anunciou na quarta-feira, durante o 70º Congresso da entidade no Rio de Janeiro, a condecoração do ex-jogador Pelé com a Ordem da Honra do Futebol Sul-Americano. O presidente Alejandro Dominguez disse que a homenagem é um reconhecimento à carreira e será entregue quando Pelé deixar o hospital. O ex-jogador está internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. "Decidimos conferir a mais alta distinção da Conmebol a Pelé como mostra de reconhecimento pela criação do jogo bonito. A condecoração será entregue tão logo Pelé saia do hospital", disse Alejandro Dominguez. Pelé foi internado durante viagem a Paris na última semana para tratar de uma infecção urinária. O ex-jogador retornou ontem ao Brasil e voltou a ser internado para reavaliação. Ele terá que retirar um cálculo renal e não tem previsão de alta. Também presente no congresso, o presidente da Fifa, Gianni Infantino, desejou pronta recuperação ao "Rei do Futebol". "Lamentavelmente ele não pode estar conosco por questão de saúde, mas estamos com ele no coração. Era um momento de reconhecimento por demonstrar que na América do Sul nascem e vivem os melhores. Desejamos nosso carinho e recuperação", disse. OPERAÇÃO Pelé terá de retirar um cálculo renal e ainda não tem previsão de alta. O ex-jogador de 78 anos foi internado, na terça-feira, no hospital Albert Einstein, em São Paulo, pouco depois de ter desembarcado no aeroporto de Guarulhos, região metropolitana de São Paulo. Pelé recebeu alta médica segunda-feira do Hospital Americano, nos arredores de Paris. Ele teve uma infecção urinária causada por um cálculo em ureter, que é um cálculo renal. A infecção foi controlada em Paris e agora o cálculo será retirado em São Paulo. No momento em que recebeu alta do hospital francês, Pelé revelou ter sido submetido a um procedimento cirúrgico. "Enquanto eu estava aqui em Paris, eu sofri uma severa infecção urinária que requisitou assistência médica e cirúrgica emergencialmente. Mas, graças ao grande carinho do time de médicos do American Hospital of Paris, eu estou pronto para viajar para casa", disse o ex-jogador, em nota. Pelé vai seguir o tratamento iniciado na França, o que já estava previsto depois que os médicos dos dois hospitais se conversaram. O estado de saúde dele é bom, e ele seguirá internado e realizará exames para saber se existe necessidade de cirurgia para extração do cálculo. A saúde do ex-jogador tem sido motivo de preocupação nos últimos anos. Além das duas infecções urinárias (2014 e 2019), ele fez operações na coluna (2015) e no quadril (2012 e 2016), o que atrapalha sua mobilidade.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL