NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 07 de Julho de 2020
ESPORTES
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2019, 17h:38

SÃO PAULO

Nenê deverá assumir vaga de Hernanes

O São Paulo ainda não sabe se poderá contar com o goleiro Tiago Volpi e o meia Hernanes na estreia do Campeonato Paulista, marcada para as 19h30 de sábado

No que depender do teste feito por André Jardine na quarta-feira, no CT da Barra Funda, já de volta ao Brasil, o meia Nenê é quem deve assumir o lugar de Hernanes, caso este realmente não possa atuar. O Profeta até apareceu no gramado, mas logo depois foi treinar na academia, na parte interna do clube. Sem contar com um goleiro, Jardine armou os titulares com: Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Jucilei, Hudson e Nenê; Helinho, Everton e Pablo. Antes de deixar o coletivo com todos os atletas rolar solto, o comandante tricolor dividiu o trabalho por setores. Coube ao auxiliar técnico, Sandro Forner, a missão de cuidar de laterais e zagueiros em um dos campos. O restante do elenco ficou com André Jardine. O treinador são-paulino trabalhou a saída de bola - um dos problemas na partida de estreia contra o Frankfurt nos Estados Unidos-, e buscou simular situações de jogo. ESTREIA O São Paulo ainda não sabe se poderá contar com o goleiro Tiago Volpi e o meia Hernanes na estreia do Campeonato Paulista, marcada para as 19h30 de sábado, contra o Mirassol, no Pacaembu. As transferências da dupla, que estava atuando no exterior, ainda não foram registradas na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e é isso que pode torná-los desfalques para o técnico André Jardine. Segundo o regulamento do Paulistão, qualquer jogador só poderia ser relacionado para a primeira rodada se estivesse registrado na Federação Paulista de Futebol (FPF) até o dia 11 de janeiro. Essa burocracia não é a mesma que o Tricolor ainda espera na CBF. Com a entidade estadual, o protocolo necessário já foi cumprido para Volpi e Hernanes. Ou seja, eles precisam apenas ser registrados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF até o fim da tarde de sexta-feira. Para isso acontecer, é necessário que os "transfers" -documentos que sacramentam as transações na Fifa- cheguem nas mãos do São Paulo o mais rápido possível. Há mais otimismo no caso de Volpi, já que o México está "atrasado" no fuso horário em relação ao Brasil, o que dá mais tempo para o Querétaro enviar toda a documentação. Já a situação de Hernanes é mais complicada, pois os chineses estão quase meio dia adiantados no fuso. Logo, menos tempo para o Hebei China Fortune formalizar a transação. Tanto Volpi como Hernanes foram contratados no fim de 2018, mas a janela de transferências do exterior para o futebol brasileiro só abriu oficialmente no último dia 10 de janeiro, tornando o prazo mais curto. Por isso foi necessário antecipar o procedimento com a FPF. Os reforços contratados dentro do futebol brasileiro - Igor Vinícius, Léo, Willian Farias e Pablo - já tiveram os nomes publicados no BID e estão aptos para estrear no Paulistão. Por outro lado, o atacante Biro Biro enfrenta outro tipo de problema. Ele conseguiu uma rescisão unilateral com o Shanghai Shenxin e ainda depende da resolução do caso na Fifa para ser registrado pelo São Paulo.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O que você achou da decisão da Justiça de decretar lockdown em Cuiabá e VG?
Acertada
Demorou
Antes tarde...
Tanto faz
PARCIAL