NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 14 de Julho de 2020
ESPORTES
Segunda-feira, 31 de Outubro de 2016, 18h:56

CORINTHIANS

Oswaldo aposta em vaga na Libertadores

Mesmo com a equipe fora do G6, técnico do Corinthians acredita na classificação para Libertadores

Faltando cinco jogos para o fim do Campeonato Brasileiro, o Corinthians deixou o G6 após o empate por 1 a 1 contra a Chapecoense, em São Paulo. Mas para o técnico Oswaldo de Oliveira, muita coisa vai acontecer na reta final da competição. Ele confia que a sua equipe tem chance de ficar com uma das vagas na Copa Libertadores de 2017. "Essa alternância de posições vai acontecer nas próximas rodadas pela proximidade dos times na tabela. Mas é lógico que tínhamos boa oportunidade de ficar no G6. Empatamos como o Fluminense também empatou. Vamos tentar diminuir as alternâncias e buscar a vaga", afirmou o treinador corintiano. A rodada deixou o Corinthians com 50 pontos, em sétimo lugar no campeonato, um ponto atrás do Atlético Paranaense, o sexto colocado. O Grêmio, em 8.º com 49 pontos, e o Fluminense, em 9.º com 48, também disputam a última vaga para a Libertadores. Apesar do otimismo em relação à vaga, o treinador criticou a atuação do Corinthians no empate contra a Chapecoense. Ele citou o rendimento do time no primeiro tempo. Segundo Oswaldo de Oliveira, seu time "relaxou" após dois jogos tensos contra Cruzeiro e Flamengo. "Não fizemos um bom jogo, especialmente o primeiro tempo, fraco tecnicamente, muito aquém do que esperávamos que acontecesse", disse Oswaldo de Oliveira. "Nossa equipe deu uma relaxada e não conseguiu readquirir o ritmo que vinha tendo naquelas partidas. Isso comprometeu bastante o rendimento que esperávamos". REFORÇOS - Após fechar com o atacante Jô, o Corinthians saiu à procura de um meia para reforçar a equipe em 2017. É uma das posições mais carentes do time do técnico Oswaldo de Oliveira. Um dos nomes cotados é o de Wagner, ex-Cruzeiro e ex-Fluminense. O jogador de 31 anos está no Jiangsu Suning, da China, e tem o desejo de retornar ao Brasil. A aposta é que o time chinês facilite a saída do jogador. Wagner não é a primeira opção da diretoria, que também sondou recentemente Diego Souza, do Sport - outro meia experiente e que conta com o aval do treinador. A análise da diretoria e da comissão técnica neste fim de temporada é que o elenco tem vários jogadores que atuam pelo lado do campo - casos de Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto, Lucca, Romero e Rildo. Porém, falta um armador que ocupe a vaga que pertencia ao ex-são-paulino Jadson. Além de um meia, o Corinthians tentará contratar ao menos mais dois jogadores para 2017: um primeiro volante e um zagueiro. Essas são as principais tarefas do novo diretor de futebol Flávio Adauto. Até agora, o único reforço confirmado é o atacante Jô, de 29 anos. Ele foi aprovado nos exames médicos na semana passada e deve assinar contrato de três anos nesta segunda-feira. A ideia é que Jô comece a treinar neste ano para aprimorar a forma física. Ele não joga desde julho, quando defendia o Jiangsu Suning. O time só volta a jogar no sábado contra o São Paulo, no estádio do Morumbi. Após o tropeço em casa, o Corinthians perdeu posição no G6 do Campeonato Brasileiro, que vale vaga na Copa Libertadores.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O que você acha da decisão da CPI do Paletó de pedir o afastamento do prefeito?
Ele tem que ser afastado
Ele tem que ser cassado
Ele é inocente
Tanto faz
PARCIAL