NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 07 de Julho de 2020
ESPORTES
Terça-feira, 08 de Janeiro de 2019, 18h:05

SÃO PAULO

Tricolor volta a sonhar com atacante Pato

Para retornar ao Brasil, porém, o jogador Alexandre Pato teria de estar disposto a reduzir consideravelmente seus vencimentos, a exemplo de Hernanes

ALEXANDRE AQUINO
Da Folhapress – São Paulo
Uma nova oportunidade de mercado pode fazer com que o São Paulo se mexa para tentar repatriar o atacante Alexandre Pato, 29 anos. O jogador defende o Tianjin Quanjian-CHN. Um escândalo na China, contudo, pode facilitar a situação do jogador. Isso porque o dono do clube em que Pato atua, Shu Yuhui, foi preso junto de outros gerentes da companhia, acusado de propaganda falsa em sua empresa pessoal. O Tianjin tem tido dificuldade de pagar os salários do elenco - e o do brasileiro é um dos mais altos. Pato tem vínculo com os chineses até o final de 2019. Para retornar ao Brasil, porém, o jogador teria de estar disposto a reduzir consideravelmente seus vencimentos, a exemplo de Hernanes. Pesa a favor do Tricolor paulista o relacionamento do atacante com uma das filhas do apresentador Silvio Santos, Rebeca Abravanel, assumido recentemente. Por causa disso, voltar ao país seria interessante a Pato. No último sábado, o coordenador de futebol do São Paulo, Vagner Mancini, não descartou a possibilidade de avaliar a situação do jogador. "É um nome de peso, não tenha dúvida. Um atleta de destaque, que já jogou no São Paulo e que, certamente, vai ser analisado com muito carinho", disse o dirigente. Se quiserem investir no jogador, os cartolas são-paulinos ainda deverão encontrar a concorrência do Milan. Os italianos já manifestaram interesse em poder contar com o futebol de Pato. FORMAÇÕES O técnico André Jardine, do São Paulo, disse que vai utilizar dois times diferentes nas duas partidas que o Tricolor fará nos Estados Unidos, pela Florida Cup. A decisão de Jardine foi tomada com o objetivo de preservar o elenco neste início de temporada e minimizar o risco de lesões. Diferentemente de Rogério Ceni, que teve 12 treinos antes da estreia no torneio amistoso em 2017, Jardine terá somente a metade das atividades até o duelo inaugural que acontece amanhã, às 22h (de Brasília), contra o Eintracht Frankfurt. Depois, no sábado, a equipe do Morumbi vai ter pela frente o Ajax-HOL, às 16h. Nas atividades de segunda-feira, os exercícios físicos foram orientados pelo preparador Carlinhos Neves. Na sequência, Jardine orientou o trabalho técnico. O comandante dividiu o elenco em quatro equipes, que se enfrentaram em dois campos reduzidos. O técnico, mais uma vez, voltou a insistir na posse de bola. Essa tem sido uma das atenções especiais que ele tem enfatizado com os atletas nas atividades. A forte intensidade tem sido uma das marcas dos treinos. Jardine, contudo, segue sem dar nenhuma pistas de qual será o time titular.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O que você achou da decisão da Justiça de decretar lockdown em Cuiabá e VG?
Acertada
Demorou
Antes tarde...
Tanto faz
PARCIAL