NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 02 de Julho de 2020
ILUSTRADO
Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2019, 16h:37

CINEMA

'Como Treinar o Seu Dragão' encerra história do 1° filme e fala sobre como aceitar as perdas

BEATRIZ VILANOVA
Da Folhapress – São Paulo
Nove anos após a estreia de "Como Treinar o seu Dragão", a terceira sequência do filme chega aos cinemas nesta quinta (17) para fechar um ciclo. O longa é o último da franquia de animação baseada livremente nos livros de Cressida Cowell, que contam as aventuras de Soluço, Astrid, seus amigos e, claro, do dragão Banguela. Nessa nova aventura, o grupo de vikings e dragões se depara com uma ameaça ainda maior e Banguela corre risco de vida na mão de um caçador de Fúrias da Noite. A saída mais fácil parece fugir da vila onde vivem - o que dá margem para o grupo conhecer lugares paradisíacos em busca do "Mundo Escondido", descrito apenas nas lendas. Mas essa pode não ser a melhor escolha. Em paralelo, cada personagem precisa lidar com suas batalhas internas: seja uma briga entre irmãos, controlar uma aldeia, se entregar ao amor ou fazer escolhas difíceis em prol de um benefício maior. Soluço assume cada vez mais responsabilidades como governante de Berk, mas também enfrenta duras questões em seus relacionamentos. Banguela segue a mesma linha: se apaixona pela Fúria da Luz e busca a sua independência junto aos outros dragões. "Criamos o que achamos ser uma maneira agridoce de dizer adeus a esses personagens", disse o diretor do filme Dean DeBlois em entrevista à Entertainment Weekly. "Você vai entender porque o Soluço diz 'Havia dragões quando eu era menino' no trailer. E até o final deste filme, você entenderá o que pode ter acontecido com eles". "Como Treinar o Seu Dragão 3" fala sobre as dores de crescer, a coragem para enfrentar o desconhecido, proteger quem você ama a todo custo, tomar decisões e aceitar perdas. Mas também mostra as belezas que acompanham todo esse desenvolvimento. Por isso, acaba emocionando não apenas os pequenos fãs da animação, mas também os adultos, que se reconhecem a cada passo para o futuro que Soluço dá. Mesmo que caminhe para o fim de uma era, o filme tem final esperançoso. "Eu acho que os fãs vão ficar ao mesmo tempo triste e satisfeitos [com o final]", disse Jay Baruchel, ator que dubla Soluço na versão original, ao site CinemaBlend. FRANQUIA DE SUCESSO - Uma das franquias mais im­portantes da Universal, "Como Treinar o Seu Dragão" já arrecadou mais de um bilhão de dólares ao redor do mundo. Seu primeiro filme teve uma das maiores bilheterias da DreamWorks Animation e chegou a ser indicado ao Oscar de Melhor Filme de Animação e Melhor Trilha Sonora. A continuação, lançada em 2014, levou o prêmio de melhor animação do Globo de Ouro e foi novamente indicado ao Oscar. As previsões para o terceiro filme são igualmente positivas, uma vez que ele já conta com quase 100% de aprovação das críticas nos Estados Unidos.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
O que você achou da decisão da Justiça de decretar lockdown em Cuiabá e VG?
Acertada
Demorou
Antes tarde...
Tanto faz
PARCIAL