NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Domingo, 07 de Março de 2021
ILUSTRADO
Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2021, 13h:09

TV-SÉRIES

Julia Roberts vai estrelar série sobre o escândalo de Watergate com Sean Penn

Folhapress - São Paulo
Julia Roberts

O canal americano Starz anunciou oficialmente que comprou a série "Gaslit", baseada no podcast "Slow Burn" e que fala sobre as histórias pouco conhecidas que envolvem o escândalo de Watergate. Entre os atores escalados para a produção, estão nomes de peso como Julia Roberts, 53, e Sean Penn, 60.
Roberts deverá interpretar a protagonista, Martha Mitchell. Trata-se de uma socialite do Arkansas que foi uma das primeiras a falar publicamente sobre o envolvimento do então presidente Richard Nixon (1913-1994) no escândalo que acabou marcando seu governo.
Já Penn deve viver o procurador-geral John Mitchell. Ele era o conselheiro de maior confiança de Nixon e melhor amigo dele na época.
O criador da série, que começa a ser produzida ainda no primeiro semestre deste ano, é Robbie Pickering, que já trabalhou no sucesso "Mr. Robot" (2015-2019). A direção será de Matt Ross (do filme "Capitão Fantástico", de 2016). Também está ligados ao projeto, entre outros, o produtor executivo Sam Esmail, com quem Roberts trabalhou em "Homecoming", da Amazon.
"Estou muito feliz por ter a oportunidade de compartilhar a história comovente e fascinante de Martha Mitchell com o mundo", disse Pickering. "Martha foi a primeira e mais forte voz a falar contra a criminalidade desajeitada de uma administração presidencial desonesta e foi uma das mártires públicas mais complicadas da época. Encontrar alguém disposto a contar sua história é um sonho."
"Em 'Gaslit', não só temos a oportunidade de contar uma incrível história não contada ao trazer o papel histórico de Martha Mitchell em Watergate para o primeiro plano, mas também temos uma sorte incrível de ter um elenco dos sonhos, incluindo Julia e Sean e a melhor equipe criativa e parceiros que poderíamos ter pedido", completou a presidente de programação original da Starz, Christina Davis.
Antes de ser confirmado pela Starz, o nome de Armie Hammer aparecia ligado ao projeto. Contudo, o ator não estará mais na série. Segundo a revista especializada Variety, não foi informado o motivo de ele ter deixado o elenco, mas provavelmente foi por causa das recentes acusações de abusos em relacionamentos.
Também participariam o ator Joel Edgerton e o irmão dele, o diretor e produtor Nash Edgerton. Porém, a publicação afirma que eles deixaram o projeto há vários meses devido a conflitos de agenda.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Qual o melhor modal de transporte público para Cuiabá e VG?
Prefiro o VLT
O BRT é melhor
Nenhum dos dois
Deveriam melhorar o atual sistema de ônibus
PARCIAL