Diario de Cuiabá

Segunda-feira, 07 de Janeiro de 2019, 17h:03

Homem é preso por racismo contra haitianos

Três rapazes haitianos foram vítimas de racismo e xenofobia, em Lucas do Rio Verde (350 quilômetros, ao norte de Cuiabá). As vítimas passavam por uma rua, localizada no Centro da cidade, quando o suspeito proferiu palavras ofensivas e preconceituosas. À polícia, os haitianos de 22, 23 e 28 anos relataram que trafegavam pela Avenida Rio Grande do Sul, quando Edson de Azevedo, 52 anos, que estava em um estabelecimento comercial começou a proferir frases racistas e xenofóbicas. Ele dizia que com a vitória do presidente Jair Bolsonaro (PSL) os estrangeiros serão expulsos do Brasil. À polícia, ele confirmou que quando viu os três homens negros de origem estrangeira, passou a chamá-los de "vagabundos e pingaiada". Azevedo disse ainda que os três não deveriam estar no Brasil. Conforme boletim de ocorrência, ainda não satisfeito com as primeiras agressões, o homem também bradou: "pretos, vagabundos e viados". Uma testemunha confirmou os relatos do racismo e o suspeito foi levado para a delegacia de Polícia Civil da cidade para prestar depoimento. Ele acabou autuado por crimes de preconceito de raça, cor e por praticar, induzir ou incitar a discriminação de etnia, religião e procedência nacional.

Fonte: Diario de Cuiabá

Visite o website: diariodecuiaba.com.br