Diario de Cuiabá

Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2019, 18h:12

Corinthians tem tudo para crescer, aposta técnico Fábio Carille

Fábio Carille gostou do desempenho que viu na tarde de domingo. Para ele, o time mostrou evolução com o toque de bola e melhorou o sistema defensivo. Agora, o treinador só pensa em seguir a reconstrução do time. "Dá trabalho, mas é um dever nosso. Mas como estou feliz de estar tendo ideias, principalmente defensivas. No ano passado, o clube tomou muitos gols. Já é uma organização legal", disse. "Temos tudo para crescer. Eu, com a comissão e a diretoria, estamos satisfeitos com o início de trabalho. A tendência é que cresça a cada jogo", concluiu o técnico. "SALVADOR DA PÁTRIA" Fábio Carille está ciente de toda a expectativa que a torcida do Corinthians deposita nele. Em seu retorno ao clube após uma passagem pelo futebol da Arábia Saudita, que durou sete meses, o treinador já foi rotulado por muitos torcedores como o "salvador da pátria", capaz de fazer o clube brigar novamente por todos os títulos. Apesar de aumentar a pressão sobre seus ombros, o comandante não se incomoda com esse rótulo e vê o alvinegro em condições de entrar com força nos torneios, principalmente por causa das contratações que fez. "Tenho que assumir essa responsabilidade. Estou muito satisfeito pelo o que está acontecendo, a diretoria buscou jogadores com a característica do Corinthians", afirmou o comandante. "Fico muito em paz, vai ser um time organizado. Consequência disso vai ser bons resultados", acrescentou Carille, bicampeão paulista e campeão brasileiro em sua primeira passagem. BOSELLI Mauro Boselli está ansioso para poder estrear pelo Corinthians. Enquanto a data de seu primeiro jogo não chega, ele teve no domingo a oportunidade de ter o primeiro contato com a torcida. Antes de a bola rolar no duelo entre Corinthians e São Caetano, o principal reforço alvinegro para a temporada será apresentado aos torcedores. A previsão da comissão técnica do Corinthians é que o ex-jogador do León, do México, possa estrear pelo alvinegro na terceira rodada do Paulistão, no outro fim de semana, contra a Ponte Preta, também em Itaquera. Na sexta-feira, o gringo fez o primeiro treino dele junto com os companheiros após voltar do México e já marcou um gol no coletivo. VAGNER LOVE Fábio Carille ainda aguarda a diretoria do Corinthians concluir a negociação para o retorno de Vagner Love, mas já está pensando em como poderá usar o jogador em sua equipe. Para o técnico, o experiente atacante, de 34 anos, pode desempenhar até quatro funções diferentes. É cogitada, por exemplo, a possibilidade de uma dupla de ataque com Love e Boselli. "O Love tem um biotipo legal, vai jogar fácil até 37, 38, 39 anos. Pode jogar de 9, atrás do 9 ou pelos lados, como jogavam Jorge Henrique e Emerson. Vejo ele nessas funções", disse o técnico. O acerto entre o Corinthians e o Artilheiro do Amor pode se dar neste fim de semana. O atleta negocia a rescisão de contrato com o Besiktas, que lhe deve dinheiro. Ele nem treina mais com elenco principal da equipe turca. O jogador já manifestou o desejo de voltar ao Timão, clube pelo qual atuou em 2015 e foi campeão brasileiro. A diretoria está otimista. A possibilidade é tão grande que Carille resolveu não inscrever o atacante Roger no Paulistão. O técnico argumentou que, como Boselli será titular, e Gustagol, o substituto imediato, não seria justo deixar o ex-botafoguense como terceira opção. "Não é legal. Seria um desrespeito", falou Carille. Roger pediu ontem mesmo para a diretoria rescindir o seu contrato e foi atendido. Enquanto Vagner Love não define o seu retorno, Gustavo e Boselli já travam uma disputa acirrada. Ontem, o argentino fez o primeiro treino dele junto com o elenco corintiano após retornar do México. O gringo anotou um gol, mas Gustagol fez dois.

Fonte: Diario de Cuiabá

Visite o website: diariodecuiaba.com.br