Diario de Cuiabá

Domingo, 29 de Novembro de 2020, 08h:51

Velório do arcebispo Dom Bonifácio acontece na Catedral

Hoje terá missa às 11h, 13h, 15h e 17h; sepultamento acontece amanhã, às 9 horas

JOANICE DE DEUS
Da Reportagem

Desde às 4 horas, acontece o velório do arcebispo emérito Dom Bonifácio Piccinini, na Catedral Basílica do Senhor Bom Jesus de Cuiabá, conhecida como Igreja Matriz, no Centro. Dom Bonifácio morreu na noite do sábado (28). Ele estava internado na unidade de terapia intensiva (UTI) da Santa Casa desde a última segunda-feira (23), após apresentar oscilações na pressão arterial.  

Às 7 horas, foi realizada a primeira Santa Missa de corpo presente e, após esse horário, Santa Missa a cada 2 horas (09h, 11h, 13h, 15h e 17h), sendo a celebração das 17h presidida pelo arcebispo metropolitano, Dom Milton Santos. O sepultamento acontece amanhã (30), às 09 horas, na cripta da Catedral Metropolitana de Cuiabá.

“Com os seus já completos 91 anos de idade! Este seu advento no paraíso é o seu natal com Deus. Principalmente, a Arquidiocese de Cuiabá sentirá falta do seu devotamento vividos em tantos anos no nosso centro-oeste! Se não temos palavras para expressar o nosso pesar junto aos seus Familiares especialmente… a certeza de que a sua lembrança será sempre viva nos confortará no nosso caminhar”, lamentou Dom Milton.

O governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes lamentaram o falecimento do arcebispo. "Recebemos a notícia com grande pesar. Perdemos hoje um homem que fez a diferença com suas ações e sua fé. Ele sempre foi um exemplo para todos nós", afirmou. O governador decretou luto de 3 dias pelo falecimento do arcebispo, em homenagem a todo o trabalho realizado por ele, ao longo de 45 anos dedicados a Igreja Católica. 

Nas redes sociais fiéis também lamentaram a morte do arcebispo emérito. “Dom Bonifácio Piccinini foi grande incentivador do Centro de Pastoral para Migrantes. Em nome dos mais de 210 mil migrantes atendidos por essa instituição que teve desde sua fundação a presença efetiva e afetiva de Dom Bonifácio, nosso respeito e solidariedade”, disse Eliana Vitaliano, da coordenação da Pastoral do Migrante. “Está com Deus agora. Obrigada Dom Bonifácio descanse em paz”, acrescentou.

Do grupo “Cuiabá de Antigamente”, Francisco comentou que Dom Bonifácio participou da construção de mais de 200 igrejas nos 45 anos prestados à comunidade católica de Mato Grosso. “Descanso eterno à sua alma”, disse.

 


Fonte: Diario de Cuiabá

Visite o website: diariodecuiaba.com.br