Domingo, 17 de novembro de 2019 Edição nº 15350 15/11/2019  











MOBILIDADE URBANA
DINALTE MIRANDA/DC
Estudo sobre origem e destino de passageiros do transporte está defasado há 15 anos


Com valor de referência da ordem de R$ 721 mil, uma empresa de consultoria será contratada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) de Mato Grosso para atualização dos dados de demanda e da matriz de origem e destino dos usuários do sistema de transporte coletivo da chamada Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá (RMVRC) bem como o estudo de viabilidade econômico financeira para a rede nas modalidades rodoferroviária, do tipo veículo leve sobre trilhos (VLT) e rodoviária, nos moldes dos corredores de ônibus (BRT). Leia mais...
ÚLTIMA ETAPA
· Após 4 anos, novo pronto-socorro será finalmente entregue na 2ª feira

17ª EDIÇÃO
· Parada da diversidade sexual espera reunir 20 mil pessoas

INFRAESTRUTURA
· Ponte de madeira sobre o Rio Teles Pires é interditada

17:29 A Bolívia e seus dilemas - parte II
17:29 BOA DISSONANTE
17:28 Estado adia para 2020 decisão sobre VLT
17:27 Diferença entre direita e bolsonarismo
17:26 A saída da extrema pobreza


17:26 Reflexões da vida
17:25 Toffoli intima BC e obtém dados sigilosos de 600 mil pessoas
17:25
17:24 Brics ignoram crise na Venezuela e Bolívia
17:24 Zona de livre comércio com China pode prejudicar indústria
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°
TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018